MENU

Notícias da Comunidade
Category

O MIE KENJINKAI PROCURA SEUS DESCENDENTES E IMIGRANTES NO BRASIL!

Tendo em vista os 75 anos de fundação da Associação Cultural e Assistencial Mie Kenjin do Brasil e 106 desde que os primeiros descendentes da província de Mie chegaram ao Brasil, conforme listas abaixo, a diretoria atual, em nome de seu presidente, Takashi Shimokawa, está em busca de seus conterrâneos imigrantes e descendentes moradores do Brasil, inclusive de fora delas.

Em 2004, a associação fez mesma busca, mas baseada na informação de que os primeiros haviam chegados ao Brasil em 1913 (Wakasa Maru) e 1914 (Teikoku Maru) postou na mídia da comunidade, quando a internet e redes sociais ainda não estavam no auge. Mesmo assim, conseguiu o contato-retorno de três famílias (Kikumatsu Oishi, do Wakasa Maru e Kashichi Koyama e Yasuzo Maekawa, do Teikoku Maru), homenageados na época.

No caso da família Maekawa, o menino Kiohei, que na época que desembarcou no Brasil tinha apenas dois anos, entrou em contato diretamente com a associação, agora… aos 92 anos de idade! Como estava próximo o 2º Karaokê Taikai da associação, a diretoria convidou-o para, pessoalmente, vir receber a homenagem no evento. Apesar da idade e morar em Araçatuba, não lhe foi sacrificado vir a São Paulo porque já o fazia com frequência por suas filhas moradoras da Capital.

O livro MIE – 100 Anos da Imigração ao Brasil (Francisco Noriyuki Sato, 2013 – NSP Hakkosha Editora e Promoções Ltda.) trazendo novas informações amplia a malha de alcance aos conterrâneos da província moradores no Brasil.

O registro é de que em 1912 dois navios trouxeram imigrantes advindos da província, Kanagawa Maru (6 famílias) e Itsukushima Maru (3 famílias).

Pois bem, independentemente da época e de navios posteriores em que chegaram ao Brasil, a associação pretende homenagear todos seus imigrantes acima de 85 anos. Se alguns descendentes dessas famílias de Mie, listadas ou não, se identificar nessas características, por favor, entre em contato com a associação pelo telefone: (0XX11) 5549-6857.

Yoroshiku…

 

kakimoto koyama-legenda

 

NAVIO “Kanagawa Maru”, procedente do porto de Kobe

Data de desembarque: 25 de abril de 1912, em Santos

1. ASAJIRO NAKAMURA (22 anos)

Shizu, esposa(21) e irmão Jutaro (13).

2. ZENZABURO OKANO (23 anos)

Moyo, esposa(25) e filha adotiva Ysuke (13).

3. ZENNOSUKE OKANO (20 anos)

Yae, esposa (17)  e irmã, Tsuru (17)

4. KIHEI NAKAMURA (18 anos)

Hina, esposa (17) e filha adotiva, Naka (13)

5. SAI NAKAMURA  (22 anos)

Yoshimatsu, esposa (20) e filho adotivo Tokumatsu (12)

6. KUSUNOSUKE OKANO(28 anos)

Haru, esposa (25) e filha adotiva Ito (13)

 

NAVIO “Itsukushima Maru”, procedente do porto de Kobe

Data de desembarque: 28 de abril de 1912, em Santos

1. KUROJI YUGE (40 anos)

Sei, esposa (38) e filho Jiuiro (16)

2. TAKEMATSU MAEHATA (31 anos)

Itoe, esposa (18) e filha adotiva Miyono (12)

3. SAIKICHI ITAFUCHI (22 anos)

Tsuma, esposa (23) e filha adotiva Chie (13)

4. MASAKI KUWANA (20 anos)

Michiye, esposa (20) e irmã de Michiye, Toyoye Murata (15)

 

NAVIO “Wakasa Maru”, procedente do porto de Yokohama

Data de desembarque: 28 de Outubro de 1913, em Santos

1. KIKUMATSU OISHI (24 anos)

SUMI, esposa(39) e filhos Moto (18), Wasa (16), Hiro (14) Yashi (12), Tame (6), Hide (3).

2. SEITARO YAMAMOTO (25 anos)

Tomeno, esposa (20), Masae (13)

3. GESUKE SHIMADA (25 anos)

Shika(34), Yataro (8), Koiti (6), Miti (1), Ine (13)

4. YOSABURO NAKAMURA (40 anos)

Taishi (32), Kunie (9), Masako (1), Hikoichi (13)

5. GENNOSUKE DEZAKI  (24anos)

Kiku (29), Ichiro (1), Otoe (13)

6. JENKICHI OKUKAWA(33 anos)

Hisano (24), Miyo (5), Zenji (2), Wakano (1), Shohei (13)

 

NAVIO “Teikoku Maru”, procedente do porto de Kobe

Data de desembarque: 11 de Maio de 1914, em Santos

1. KIUJIRO KOYAMA (25 anos)

Shin (18), Toyo (13)

2. KASHICHI KOYAMA (28 anos)

Kuno (18), Shime (14)

3. JOSUKE HAMAGUCHI (36 anos)

Narayo (28), Kimi(13)

4. YOSOMATSU KOYAMA (26 anos)

Hiro (25), Kiyo (1),  Chokichi (17)

5. GENZO NAKAMURA (29 anos)

Asano (27), Kato Genjiro(15)

6. YASUZO MAEKAWA(42 anos)

Shin (37), Kiohei (2)  Mitsu(13)

7. SHIGUETOSHI NOMURA (23 anos)

Kume (16), Toare(18)

8. MASUJIRO MIZUTANI(25 anos)

Ume (24), Kiyomatsu (13)

9. FUSAJI TANABE (24 anos)

Mitsu (19) , Yoshinobu (13)

10. KUMAKICHI FUJITA (28 anos)

Uta (24), Tsuta (13)

11. SAKICHI TAMAKI (31 anos)

Hisa (28), Ito (4), Jennosuke (13), Tsuda Yuki (19)

12. HIOKICHI OKUMURA (45 anos)

Yone (76), Yae (46), Yoshio (19), Kentaro (16), Kirino (13), Suzuko (10), Rei (6)

13. SHOGORO SAKAKURA (29 anos)

Kikue  (25), Shoichi (4), Shokichi (1), Toruzo (19).

Read More

6º Kitsuwa Ongakusai, um festival de música por prazer e diversão!

10 de maio de 2018 • Música e Artes, Notícias da Comunidade • Views: 479

Realizado no dia 06 de maio de 2018 na Associação Shizuoka Kenjinkai, o 6º Kitsuwa Ongakusai manteve sua proposta: “cantar deve ser uma atividade de prazer e diversão”. Nesse dia, os cantores não são divididos em categorias, e também não são julgados. Pelo contrário, todos

60 anos do Kaikan de Fernandópolis traz fundadores, descendentes e… Karen Ito!

15 de abril de 2018 • Associações, Notícias da Comunidade • Views: 943

A data real de fundação da Associação Cultural e Esportiva de Fernandópolis (ACEF, conhecida na cidade como Clube Tóquio) é 02 de abril de 1957, ou seja, cujos 60 anos teriam sido completados no ano passado e acabou sendo realizado no dia 24 de março deste ano. “É que devido à enorme

Mie reelege Takashi Shimokawa, exalta 105º aniversário e quer criar seinenbu!

2 de fevereiro de 2018 • Associações, Notícias da Comunidade • Views: 369

Com o Edital de Convocação para Assembleia Geral Ordinária da Associação Cultural e Assistencial Mie Kenjin do Brasil, devidamente publicada em jornal da comunidade nipo-brasileira (Nikkey Shimbun, 06/01/2018), a mesma foi realizada em sua sede no dia 28 de janeiro de 2018, conforme

Revista Burajiru Tokuhou publica matéria sobre o fundador da Nikkeyweb Akio Ogawa

14 de fevereiro de 2017 • Notícias, Notícias da Comunidade • Views: 950

Na matéria, publicada na edição de janeiro da revista Burajiru Tokuhou, Akio Ogawa fala de sua trajetória, desde o estudo da língua japonesa, de seu casamento até a fundação de seus projetos Nikkeyweb e Nikkeypedia, e da importância desses dois sites na transmissão da cultura japonesa