MENU
confiscocasarao

Como os nissei reconquistaram um patrimônio confiscado há 70 anos pelo Brasil

Depois de 70 anos, o governo brasileiro restituiu, em dezembro de 2016, um casarão de dois pisos que havia sido confiscado da comunidade japonesa em Santos, no litoral sul de São Paulo, logo após a Segunda Guerra Mundial.

A construção — erguida em 1930 sobre um terreno que havia sido adquirido um ano antes por membros da colônia de imigrantes com ajuda do governo japonês — abrigava uma escola e um escritório do consulado.

Com a entrada do Brasil na Segunda Guerra Mundial, em 1942 — ao lado dos Aliados, capitaneados por EUA, Reino Unido e União Soviética, e contra o Eixo, formado por Japão, Alemanha e Itália — os imigrantes japoneses em solo brasileiro passaram a ser tratados como inimigos.

O confisco do casarão se deu a título de “indenização de guerra”, logo após o fim do conflito, em 1946. A Escola Japonesa foi então fechada, os móveis, leiloados e os alunos e membros da comunidade, expulsos.

Mais do que o imóvel em si, o local tem o valor de manter viva a lembrança de um período importante da história brasileira, que marcou a vida da maior comunidade japonesa fora do Japão…

 

Leia mais

 

Fonte: nexojornal.com.br

 

Autor:

Publicado em: 19 de abril de 2017

Categoria: Cultura

Acessos: 26

Deixe uma resposta