MENU

A brutal modernização do Japão que empurrou milhões de imigrantes para a América Latina

Em 1639 o Japão adotou uma política conhecida como sakoku (país fechado), pela qual a nação asiática fechava suas portas para o resto do mundo, proibindo tanto a entrada quanto a saída de pessoas.

Quem entrasse ou saísse do país seria condenado à morte.

Esse isolamento durou mais de 200 anos, até que, em 1853, um oficial naval americano chamado Matthew Perry entrou no que hoje é a Baía de Tóquio com uma frota de combatentes.

Perry conseguiu forçar o Japão a se abrir ao comércio internacional, mas o país continuou a proibir seus cidadãos de deixar o território. Foi somente com a chegada do imperador Meiji, 15 anos depois, que o Japão permitiu a imigração…

Continua…

Fonte: www.bbc.com

Deixe uma resposta