MENU

Japão e Grã-Bretanha fazem exercícios navais no disputado Mar do Sul da China

O maior navio de guerra do Japão, o porta-helicópteros Kaga, juntou-se à brigada naval britânica, incluindo o HMS Argyll, no Oceano Índico, na última quarta-feira, enquanto a fragata se dirigia ao disputado Mar do Sul da China.
A Grã-Bretanha, o Japão e os Estados Unidos encontraram uma causa comum para combater a crescente influência chinesa na região, para manter as principais rotas marítimas, ligando a Ásia à Europa, Estados Unidos e outros países, sem a influência de Pequim.
“Temos laços tradicionais com a marinha britânica e somos aliados próximos dos EUA e esses exercícios são uma oportunidade para fortalecermos a cooperação”, disse Kenji Sakaguchi, comandante da Força de Autodefesa Marítima (MSDF) e responsável pelos quatro helicópteros do grupo Kaga.
A chegada do Argyll ocorre depois que o navio anfíbio Britânico Albion desafiou no mês passado as reivindicações territoriais de Pequim, navegando próximo às bases chinesas nas ilhas Paracel em uma operação de liberdade de navegação.
A China despachou um navio de guerra e helicópteros na região e advertiu Londres que uma ação semelhante no futuro poderia colocar em risco as negociações para um possível acordo comercial que a Grã-Bretanha busca enquanto se prepara para deixar a União Europeia…
Fonte: alternativa.co.jp

Deixe um comentário