MENU

Jovens japoneses sabem muito pouco sobre sexo, diz especialista

O sexo e suas consequências ainda são assuntos pouco conhecidos dos jovens japoneses, mesmo com uma maior exposição do tema na internet, de acordo com uma especialista em educação sexual entrevistada pelo jornal The Japan Times.

Asuka Someya descobriu que estava grávida aos 20 anos, quando ainda era uma estudante universitária. Sem o apoio necessário para criar um filho sozinha, ela decidiu abortar.

“Esse é um dilema que só as mulheres podem enfrentar”, disse ela ao TJT. “Essa decisão afeta a vida inteira.”

Hoje, com 30 anos, Someya fundou uma organização sem fins lucrativos dedicada a ensinar os jovens sobre saúde sexual e métodos de contracepção. Ela acredita que sua alarmante falta de conhecimento foi uma consequência da falta de educação sexual na escola…

 

Leia mais

 

Fonte: ipcdigital.com

Deixe uma resposta